‘Vai ser a salvação do nosso time no ano’, diz presidente Conquista sobre Copa do Brasil

Lomantão será palco do jogo pela Copa do Brasil nesta terça-feira, dia 30/01. (Mário Bittencourt/Ag. A Tarde)

A estreia do Vitória da Conquista na Copa do Brasil está sendo tratada como jogo da salvação do clube na temporada de 2018. O presidente do clube, Ederlane Amorim, disse que o Bode está apostando todas as suas fichas no duelo desta terça-feira (30), contra o Boa Esporte para não comprometer o caixa do clube no restante do ano. Vindo de duas derrotas nas últimas duas rodadas do Campeonato Baiano, o time de Conquista recebe o clube mineiro, pela primeira fase do torneio nacional, no estádio do Lomantão, em Vitória da Conquista. A bola rola a partir das 19h, no horário da Bahia. “Vai ser o jogo das nossas vidas realmente. Virando a chave, como todos falam, já que perdemos as duas últimas partidas no Baianão e nos complicamos. Mas hoje as atenções estão todas voltadas para este jogo, já que é único e se empatarmos estaremos eliminados. Estamos todos muito motivados para este jogo. Assistimos todos os jogos do Boa Esporte, a comissão técnica tem muitas informações deles. Vamos tentar vencer, porque essa classificação vai impactar no restante do ano. Essa partida vai  ser a salvação do nosso time no ano. No cenário atual, não temos a menor condição financeira para montar um elenco para a Série D do Campeonato Brasileiro. Não tenho como manter esse time para a Série D com esta folha de pagamento”, declarou em entrevista ao Bahia Notícias. Já sobre os ingressos, Ederlane Amorim falou que manterá o mesmo valor da entrada, que vem sendo comercializado nas partidas do Campeonato Baiano. “Mantivemos o preço do ingresso do Baiano. Geralmente a gente aumenta para os jogos da Copa do Brasil, mas por causa do cenário atual mantivemos os preços em R$ 20 a inteira e R$ 10 a meia”, disse. Para avançar de fase, o Vitória da Conquista precisa vencer o Boa Esporte por qualquer placar. Já o adversário, entra em campo pelo empate para seguir na Copa do Brasil.

Por Leandro Aragão

Comentários