Técnico Moisés esboça time titular para o jogo contra Itabela domingo no Barbozão

Treino é treino, jogo é jogo, já dizia o Filósofo da Bola. Sei que muitos dirão, do que adianta a equipe treinar bem e jogar mal. Particularmente torço para que jogue bem, e se for o contrário, paciência! O que aqui relatamos tem a finalidade de levar a informação, embora nosso pequeno conhecimento.

Devido ao desempenho do time não ser o esperado até o momento fez com que poucos torcedores acompanhassem o treino, porém, aqueles que marcaram presença ficaram satisfeitos com a boa performance da equipe.

Foram quatros gols de bola rolando e mais dois de bola parada, aqui não vamos considerar os dois últimos porque foram de lances repetidos. Os tentos foram assinalados por Bóba, Elvis, Dondon e Miller.

Concernente às mudanças no time, foram, Guilherme no lugar de Caio Rocha, Ricardo Gomes que retornou no lugar de Caio Jambeiro e Fumaça no lugar que é do Beto Cavalo. Pertinente a ausência do Beto Cavalo foi pelo o fato de o mesmo não está se sentindo bem (dor de cabeça), momentos antes de iniciar o coletivo.

O time titular formou com, Erick; Fumaça, Gil, Guilherme e Tico; Bispo, Ricardo Gomes, Bóba e Miller; Elvis e Dondon.

O Gil que retorna ao time após se recuperar de contusão teve como companheiro de zaga o garoto Guilherme. O jovem zagueiro que substituiu o próprio Gil no jogo do domingo último foi mantido devido a boa atuação que teve lá em Teixeira de Freitas. Quanto ao Caio Rocha, ainda na fase de preparação comentávamos de que o mesmo corria sério risco de perder a posição. Se vai recuperar ou não a titularidade, cabe apenas o técnico decidir.

Quanto ao Ricardo Gomes, o seu retorno ao time embora deixe-o menos ofensivo, é fundamental pela sua experiência, o equilíbrio e a organização que o mesmo dá ao meio campo atuando ao lado do Bispo. Claro, poderia ser o Leo Natal como tentara o Moisés, mas este atleta não se encontra no mesmo nível dos demais haja vista a contusão que sofrera quando da apresentação do elenco. Perdeu-se muito tempo se recuperando e precisa ganhar ritmo para que esteja no patamar dos outros jogadores.

A desarrumação que as vezes se nota no time em determinados momentos das partidas se deve talvez pelo posicionamento do meio-campo no que se refere ao Bóba e o Miller, pois deixa dúvida de qual deles é segundo volante ou meia. Na formação desta tarde ficou evidente que os dois são meias. Posicionados a frente de Bispo e do Ricardo Gomes, os quatro formaram um quadrado proporcionando muito mais organização, tanto defensiva quanto ofensivamente falando.

Chegou a Itamaraju durante a noite de terça-feira, o atacante Rafinha, oriundo da cidade de Montanha Espírito Santo. Não sabia do interesse da Liga no referido atleta e coincidentemente assistir um vídeo de jogo em que o mesmo faz um belíssimo gol de falta jogando pela Associação Atlética Montanha contra uma equipe de São Mateus. Reiterando que o vídeo, não é dos melhores momentos não. A parte em que assistir foi de um tempo de uma partida de futebol (45 minutos). Tomara que dê certo.

Por Antônio Reis Viana/Os Feras da Bola

Comentários