Quintino Barbosa avalia crescimento do Bahia de Feira no Campeonato Baiano

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

Após a vitória por 1 a 0 sobre o Flamengo de Guanambi, no último domingo (19), o Bahia de Feira entrou de vez na briga pela vaga no G4 do Campeonato Baiano. Para o técnico do Tremendão, Quintino Barbosa, esse crescimento vem num momento de oscilação dos adversários diretos.

“Nós fizemos a folga na tabela depois do jogo contra o Vitória [derrota por 1 a 0]. Então, sabíamos que teríamos cinco finais, quatro em casa e um fora, com o Jacuipense. Já foram duas. Cada jogo é mais importante que o outro. Contra o Flamengo foi uma final, e agora também será. Buscaremos nosso objetivo e estamos crescendo num momento em que as outras equipes estão ficando estacionadas. Isso é importante pra nós”, avaliou Barbosinha, em entrevista ao Bahia Notícias.

Na visão do treinador, a campanha de recuperação vem para tirar a imagem negativa após a goleada por 6 a 0 sofrida frente ao Bahia, na terceira rodada. “Aquele jogo foi atípico. Nada deu certo. Não conseguimos explicar o que é inexplicável. O que nós tentamos foi dizer aos jogadores que aquilo foi um acidente e traze-los para a competição. Depois, empatamos com o Jacobina e perdemos para o Vitória, mas jogamos bem. Vimos o crescimento da equipe. O grande segredo é acreditar que Deus está conosco e depois passar para o grupo no que devemos acreditar”, pontuou.

Com 10 pontos ganhos, o Bahia de Feira é o sexto colocado na competição estadual – um ponto atrás do Conquista, equipe que fecha o G4. Entre eles está o Jacuipense que, com a mesma pontuação dos conquistenses, é o próximo adversário do Tremendão. A partida será realizada às 16h deste domingo (26), em Pituaçu, pela nona rodada do certame.

Por Matheus Caldas

Comentários