Presidente da Liga de Futebol de Teixeira de Freitas esclarece sobre prestações de contas da entidade

Luciano, presidente da Liga de Futebol de Teixeira de Freitas

Na manhã desta terça-feira (15), a nossa reportagem atendendo uma solicitação do presidente da Liga de Futebol de Teixeira de Freitas, Luciano Santos, compareceu à sede da LFTF que fica situada em uma sala no Estádio Municipal de Teixeira de Freitas para que o mesmo prestasse esclarecimento acerca de uma matéria que foi veiculada na semana passada em alguns meios de comunicação sobre a prestação de contas da entidade, referente aos convênios firmados com o município através da Secretaria de Esportes.

Placa de substituição, que será utilizado nas competições da Liga neste ano

Na ocasião, Luciano disse dos avanços, das conquistas e dos Campeonatos realizados dentro da sua gestão. “Eu quando fui eleito, peguei a Liga com débito de R$ 17 mil com a Federação Bahiana de Futebol. Hoje a Liga possui sede própria, com computador, impressora, geladeira, maca, placa de substituição. Desde o meu primeiro mandato a seleção tem participado do Intermunicipal. Eu recebi a Liga dentro de uma “sacola”, isso mesmo: a entidade não tinha uma caneta, apenas foi me passado o estatuto dentro de uma sacola”, relatou o presidente Luciano.

Computador e impressora adquiridos pela atual diretoria

A nossa reportagem teve acesso há algumas prestações de contas da Liga referentes aos campeonatos por ela realizados. Nas prestações há o parecer da Controladoria Geral afirmando que os convênios firmados com a Liga de Futebol e Secretaria de Esportes estão de acordo como manda o TCM.

Maca para atender os atletas

“Se é a Prefeitura através da Secretaria de Esporte que fomenta as competições da Liga, é para Prefeitura e Secretaria de Esporte que eu tenho que prestar conta, já que o dinheiro é do município. Não tem como eu firmar um convênio e eu não fazer a prestação de conta. Essa prestação de conta tem que ser aprovada para que a Liga possa fazer outro convênio. Para quem não sabe é desse jeito que funciona. Se um convênio não for aprovado não se faz outro convênio. Agora como eu disse, quem tiver alguma dúvida sobre as prestações de contas sobre os convênios que foram feitos procura no Portal de Transparência do Município que todos terão acesso. Os convênios foram todos aprovados”, disse Luciano Sales.

Geladeira com a logomarca da Liga

Perguntando sobre as futuras competições promovidas pela Liga, Luciano disse que nesta sexta-feira, dia 18, às 19 horas, no estádio Tomatão terá uma reunião com os dirigentes dos clubes da primeira divisão para tratar dos assuntos pertinentes ao campeonato. Sobre o Torneio do Trabalhador, Luciano disse que já houve contato entre o novo secretário de Esportes, Érico Cavalcante, e diretoria da Liga para darem início aos trabalhos como orçamento e plano de trabalho.

Decreto que declara que o estádio passa a ser a sede da Liga de futebol
Alvará de Licença para funcionamento da Liga em uma sala do estádio
Convênio firmado para participar do Intermunicipal 2018

Plano de aplicação do convênio firmado para Intermunicipal 2018

Torneio do Trabalhador 2018
Torneio do Trabalhador 2018
Primeira e segunda divisão 2018
Total do convênio do Primeiro de Maio e dos Campeonatos da primeira e segunda divisão

Por Redação Esporte na Mídia

Comentários