Pela primeira vez na história, 100% das equipes baianas venceram na estreia da Série D

O Fluminense jogando esta tarde em Itabaiana, goleou o Itabaiana por 4 x 1. Foto: Cristiano Alves

Na edição 2017 da Série D, os clubes da Bahia já conseguiram uma marca inédita: todos os representantes do estado venceram na primeira rodada. Juazeirense, Fluminense de Feira e Jacobina ganharam seus compromissos na estreia do certame, no último domingo (21).

A competição é realizada desde 2009 e, nas oito edições anteriores, sempre algum clube baiano saia derrotado ou empatava. A pior edição para o estado, neste quesito, foi em 2015. No jogo de estreia, o Colo Colo perdeu fora de casa para o Serra Talhada e o Serrano perdeu em casa para o Central-PE.

Essa marca ganha mais importância este ano, sobretudo por serem três clubes do estado na disputa da competição. Até 2015, apenas duas agremiações da Bahia disputavam o torneio. Esta regra mudou no ano passado, quando Fluminense de Feira, Juazeirense e Galícia entraram em campo. No jogo de estreia, nenhum conseguiu vencer. O Touro e o Cancão empataram com Sergipe e Icasa-CE, respectivamente, enquanto o Galícia sofreu um revés em casa para o América-PE.

No total, as equipes baianas fizeram 18 jogos de estreia, com sete triunfos, seis empates e cinco derrotas – esse retrospecto favoreceu as vitórias, sobretudo pelos resultados desta atual temporada. No total, há um aproveitamento de 50% dos pontos.

Com a quebra dessa marca, a expectativa é que o tabu que mais incomoda seja quebrado já nesta temporada: nenhum clube baiano, fora Bahia e Vitória, conseguiu um acesso de divisão em campeonatos nacionais.

Pela segunda rodada, a Juazeirense receberá o Sousa-PB, neste sábado (27), às 18h30, no Adauto Moraes. No domingo (28), o Jacobina visita o Murici-AL, às 16h, fora de casa. O Flu de Feira, por sua vez, jogará apenas na quarta-feira da outra semana (21), contra o Atlético-PE, no Joia da Princesa.

Por Matheus Caldas

Comentários