O que o Flamengo faz melhor do que o Cruzeiro, e vice-versa

Marcelo Moreno e Dedé Flamengo x Cruzeiro (Foto: Alexandre Vidal / Flaimagem)

Flamengo e Cruzeiro começam a definição do campeão da Copa do Brasil nesta quinta-feira, quando ocorrerá o primeiro jogo da final, no Maracanã, às 21h45 (de Brasília). Para ficarem com o título, o que cada uma das equipes tem de melhor a oferecer? Esta pergunta é, em parte, respondida com algumas estatísticas levantadas de ambos os times ao longo da disputa do torneio e também do Brasileirão de 2017.

Os mineiros, por exemplo, marcam mais gols e cometem menos faltas. Do outro lado, os cariocas, finalizam mais e tocam mais vezes na bola por partida.

Para chegar à decisão, o Flamengo, que jogou a Libertadores e, por isso, entrou apenas nas oitavas de final, começou passando pelo Atlético-GO (0 a 0 e 2 a 1). Na sequência, eliminou o Santos ao ganhar por 2 a 0 na ida e perder por 4 a 2 na Vila Belmiro, avançando por conta dos gols fora de casa. Já na semi, a classificação veio no clássico contra o Botafogo (0 a 0 e 1 a 0).

O Cruzeiro, por sua vez, está na competição desde a primeira fase. Até chegar nas oitavas, tirou Volta Redonda (2 a 1), São Francisco (6 a 0), Murici (2 a 0 e 3 a 0) e São Paulo (2 a 0 e 1 a 2). Na sequência, a equipe celeste tirou a Chapecoense por 1 a 0 no placar agregado e eliminou o Palmeiras com dois empates (3 a 3 e 1 a 1). Na semi, uma vitória e uma derrota por 1 a 0 diante do Grêmio fez com que a classificação à final saísse apenas nos pênaltis.

Os dois times já decidiram o título em 2003, quando a equipe celeste sagrou-se campeã com um empate por 1 a 1 e um triunfo por 3 a 1.

Os rubro-negros buscam o quarto título da Copa do Brasil, torneio que já venceram em 1990, 2006 e 2013. Já os celestes têm uma taça a mais (1993, 1996, 2000 e 2003) e buscam a quinta para igualar o atual campeão Grêmio na condição de maior ganhador da competição.

O jogo de volta da final será no Mineirão no dia 27 de setembro.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO X CRUZEIRO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 7 de setembro de 2017 (Quinta-feira)
Horário: 21h45(de Brasília)
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

FLAMENGO: Alex Muralha; Rodinei, Réver, Juan e Pará; Gustavo Cuéllar, Willian Arão e Diego; Orlando Berrío, Lucas Paquetá (Vinicius Júnior) e Everton. Técnico: Reinaldo Rueda

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero (Ezequiel), Léo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson, Robinho e Thiago Neves; Alisson e Rafael Sóbis (Raniel). Técnico: Mano Menezes

Comparação entre Flamengo e Cruzeiro

Estatística Flamengo Cruzeiro
Jogos 28 34
Aproveitamento 50% 53%
Posse de bola 56,4% 49,9%
Média de toques na bola 662 631
Finalizações por jogo 14,3 14
Gols pró 38 48
Média de gols 1,36 1,41
Gols contra 26 28
Média de gols contra 0,93 0,82
Assistência para gols 27 32
Média de assistências 0,96 0,94
Faltas cometidas 15,9 14,6
Média de desarmes 11,9 14,2
Passes por jogo 520 480
Passes certos 81,3% 78,4%
Finalizações certas 34,5% 36,2%
Média de amarelos 1,82 2,08
Média de vermelhos 0,11 0,09

Por ESPN.com.br

Comentários