Nos pênaltis, CMA Eletricol é campeão do Torneio do Trabalhador de Futebol de Campo

Campeão, CMA Eletricol

Teixeira de Freitas – Chegou ao fim neste domingo, 01/05, feriado do Dia Internacional do Trabalhador, a edição 2022 do Torneio Primeiro de Maio de Futebol de Campo.

Bar do Tucha, vice-campeão

Após dois anos sem sua realização devido ao covid-19, o evento retornou, porém, em um novo palco: campo do Bonadiman.

Botafogo, terceiro lugar

A competição teve início no dia 03/04, sempre com uma presença marcante da torcida. No dia da final, não podia ser diferente. Os arredores do campo do Bonadiman ficou pequeno para a torcida que compareceu para assistir o último dia de competição e principalmente, a final. 

São Lourenço, quarto lugar

A disputa do terceiro lugar ocorreu entre São Lourenço e Botafogo. No tempo normal, as equipes empataram em 0 a 0. Nos pênaltis, o time do Botafogo venceu e ficou com a terceira lugar.    

Goleiro menos vazado: Vitor (Botafogo)

A decisão foi entre CMA Eletricol e Bar do Tucha. No segundo tempo, a CMA Eletricol conseguiu abrir o placar com Thauã. A partir daí o Bar do Tucha foi pra cima em busca do resultado e acabou esbarrando na boa atuação do setor defensivo da CMA Eletricol, principalmente do goleiro Iure que fez boas intervenções. Quando tudo parecia que iria terminar 1 a 0, o juiz assinalou pênalti a favor do Bar do Tucha, após a bola bater no braço do zagueiro, mudando a história da final. O pênalti foi bem cobrado e empatou a partida em 1 a 1. O placar permaneceu até o final e o título de campeão foi decidido nos pênaltis. Após 20 minutos de cobranças de pênaltis, o time do CMA Eletricol fez história e foi campeão do Torneio do Trabalhador de Campo. Vale lembrar que na sexta-feira (29), o mesmo time havia sido campeão no ginásio.

Artilheiro: Vinicinho (Mercearia Avante)

Resumo Geral do Torneio na Categoria Masculino

Campeão: CMA Eletricol, recebeu 6 mil reais, mais troféu e medalhas;

Vice-campeão: Bar do Tucha, recebeu 3 mil reais, mais troféu e medalhas;

3° lugar: Botafogo, recebeu 1.500 reais, mais troféu e medalhas;

4º lugar São Lourenço, recebeu R$ 750;

Goleiro menos vazado: Vitor (Botafogo), recebeu R$ 300, mais troféu.

Artilheiro: Vinicinho (Mercearia Avante), recebeu R$ 300, mais troféu.

Por Luan Mota/Esporte na Mídia