Intermunicipal: Eunápolis goleia Euclides da Cunha no primeiro jogo e coloca as duas mãos na taça

Eunápolis – As seleções de Eunápolis e Euclides da Cunha entraram em campo neste domingo, dia 26, pelo primeiro jogo da decisão inédita do Intermunicipal 2017. A partida aconteceu no estádio Araujão, em Eunápolis.

A imprensa compareceu em peso para essa finalíssima que teve ainda a transmissão da TVE. A torcida eunapolitana fez sua parte e lotou as dependências do estádio, além de ter feito uma grande festa, vibrou e empurrou o selecionado de Eunápolis do início ao fim, dando um verdadeiro show nas arquibancadas.

Por ter feito melhor campanha no geral, a seleção de Euclides da Cunha fez o primeiro jogo na casa do seu adversário. Para evitar desgastes com viagem, a comissão técnica e os jogadores permaneceram na cidade de Itabela se preparando para o primeiro jogo decisivo, uma vez que na semana passada tinha jogado contra a mesma Itabela e conquistado a vaga na decisão.

A partida começou com o time visitante com mais posse de bola e a seleção de Eunápolis bem postado defensivamente, aliás, diga-se de passagem um setor de defesa que especialmente nesse jogo foi impecável.

Logo aos 3 minutos de jogo, em jogada bem trabalhada no meio de campo, o atacante Rafael recebe a bola na ponta direita e cruza rasteiro para Lukinhas que só teve o trabalho de empurrar para as redes para o delírio da torcida: Eunápolis 1 x 0 Euclides da Cunha.

Soberano na partida, Eunápolis se mostrou uma equipe equilibrada e tranquila dentro de campo. As jogadas de ataque do time do técnico Beto Oliveira eram sempre pela ponta direita e quem comandava o meio campo era o experiente Ley ditando o ritmo do jogo.

Aos 16 minutos em jogada pela esquerda, o lateral-esquerdo Felipe tabelou com Lukinhas e com um chute forte no ângulo, sem chance para o goleiro de Euclides da Cunha, marca um golaço e faz 2 a 0 para Eunápolis.

Do jeito que Eunápolis estava jogando parecia que o terceiro gol era questão de tempo.

Aos 38 minutos, Rafael faz o terceiro gol de Eunápolis. Ley recebe a bola na grande área lança pra Rafael pela direita que dribla o zagueiro e chuta sem chance fazendo 3 a 0 para Eunápolis, placar este do primeiro tempo.

Enquanto Eunápolis fez um primeiro tempo impecável, a seleção de Euclides da Cunha estava irreconhecível. Os seus principais jogadores Mama e Pim estavam bem marcados e nada fizeram.

Na volta pro segundo tempo, o técnico de Euclides da Cunha fez três substituições de vez na tentativa de uma reação da sua equipe.

Com a necessidade de sair mais para o jogo, o selecionado euclidense deixava espaços para a seleção de Eunápolis e em jogada pela esquerda, Alex em grande lance individual cruzou na medida para Rafael de cabeça fazer o seu segundo gol na partida e quarto de Eunápolis. E para finalizar a goleada histórica, em um contra-ataque, Lukinhas em jogada de velocidade dá um drible da vaca no zagueiro de Euclides e cara a cara com o goleiro também driblou e chutou pro gol sem goleiro e fez o seu segundo gol na partida e quinto gol de Eunápolis.

Só um milagre tira o título de Eunápolis no próximo dia 10/12, quando acontece o segundo jogo da final na cidade de Euclides da Cunha. O selecionado eunapolitano poderá perder por até 4 gols de diferença que será campeão do Intermunicipal 2017.

O time de Eunápolis atou com 01- Márcio Greyck, 06-Felipe, 21-Luciano, 05-Willian, 22-Ninho Malhador, 07-Mica, 14-Diego, 08-Alex, 09-Rafael, 10-Ley e 13-Lukinhas. Suplentes: 12-Felipe Goleiro, 16-Batata, 15-Douglas, 02-Gil Carlos, 18-Tino Baiano, 19-Fabinho, 20-Jean, 11-Ganso, 30-Noturno e 03-Julinho. Técnico: Beto Oliveira.

Euclides da Cunha foi à campo com: 12-Neném, 02-Max, 03-Alex, 04-Elvis, 06-Wellington, 05-Garjão, 07-Eduardo, 08-Pitoco, 10-Mama, 09-Pim e 11-Joaquim. Reservas: 01-Anderson, 14-Álvaro, Btia, 15-Julinho, 16-Malhadinha, 17- Leo Meloza, 18-Robinho, 19- Alex, 20-Xande, 22-Valdoir e 23-Matheus. Técnico: Carlinhos.

Por Luan Mota/Esporte na Mídia

Comentários