Estudantes do Ruy Barbosa conquistam medalha de bronze no Handebol em Brasília

Teixeira de Freitas: O Handebol Feminino do Colégio Ruy Barbosa fez história nos Jogos Escolares da Juventude. As alunas foram recepcionadas em Teixeira de Freitas na manhã desta segunda-feira (27), depois de representarem a Bahia na etapa nacional realizada em Brasília, e se destacarem pela inédita conquista do terceiro lugar.

As estudantes foram recebidas com uma grande comemoração, desfilando em cima da viatura do Corpo de Bombeiros pela cidade. O colégio disputou diversas modalidades nos Jogos Escolares da Juventude na fase regional, entretanto, somente o Handebol Feminino e o Basquete Masculino foram os campeões. Mesmo assim, na etapa estadual, realizada em Salvador, só o Handebol Feminino que disputou e as meninas levaram o troféu como campeãs baianas, conquistando o direito de competirem no nacional.

As meninas do Ruy Barbosa venceram o Ceará por 8 a 7 na decisão do terceiro lugar, sendo um feito histórico para a cidade, porque só pelo fato de disputar uma competição tão elevada, de alto nível, que reúne os melhores do país, já é uma grande marca. O campeonato começou no dia 21 e encerrou no dia 26 de novembro. O time de Handebol é composto por 12 atletas, apenas uma não pôde ir. O técnico é o professor de educação física Ueder Moreira Magalhães.

Da equipe que foi à Brasília: Jully Lima de Jesus, 2ºF, 17 anos; Laís Lima Luiz, 1º ano, 16 anos; Júlia Sobrinho Guimarães, 2ºA, 15 anos; Thays Severo Lima, 1ºA, 15 anos; Cleidimara Serafim Ricardo, 1º ano, 16 anos; Isabel de Souza Pereira, 3º ano, 16 anos; Danielle Soares Portugal Silva, 2º ano, 17 anos; Yasmin Brito Nakamura, 2º B, 15 anos; Kécia Fernanda de Souza Moreira, 1º ano, 16 anos; Jhully Adolfo, 2º ano, 17 anos; e, Liriel Lustosa, 2º ano, 15 anos.

De 8 equipes baianas, apenas duas trouxeram medalhas para o estado: O Handebol feminino do Colégio Estadual Democrático Ruy Barbosa, que foi bronze, e o Futsal feminino do Colégio Integral de Salvador, que ficou com a medalha de prata. As outras equipes foram desclassificadas na fase de grupos.

Durante a semana, houve programações de entretenimento dos jovens no Centro de Convenções Ulisses Guimarães com várias atrações como música ao vivo, clínica esportiva de basquete 3×3, jogos e brincadeiras valendo brindes, entre outras atrações que mudavam à cada turno.

Para as meninas, foi uma experiência maravilhosa e única. Segundo o Prof. Ueder Magalhães, “essa conquista motiva muitos alunos a praticarem atividades físicas na cidade, a praticarem algum esporte (…) estamos muito felizes, este troféu é muito pequeno para todo apoio que recebemos, quero agradecer a todos que colaboraram”, relatou o professor e técnico. Ele ainda complementou que essa experiência está sendo muito importante para a sua formação e das alunas.

Por: Vida Diária/Robson Dias e Mirian Ferreira.

Comentários