Em jogo de 6 gols, Bahia de Feira e Atlético de Alagoinhas empatam em clássico Baiano pela série D

Neste sábado, na Arena Cajueiro, Bahia de Feira e Atlético de Alagoinhas fizeram o clássico baiano da 10ª rodada da Série D do Campeonato Brasileiro e em jogo muito disputado, as equipes empataram em 3 a 3. Capone e Menezes, duas vezes, fizeram para o Bahia de Feira, enquanto Robert, Edson e Dionisio anotaram para o Atlético.

A primeira etapa foi muito movimentada, digna de clássico. O Bahia de Feira buscou pressionar o adversário e tomar as ações ofensivas. A pressão deu certo e logo aos sete minutos de jogo, após rebote, Capone deu um chute de fora da área, sem chances para o goleiro adversário, fazendo um golaço e abrindo o placar, 1 a 0 para o Bahia.

Aos 14, Robert fez de cabeça para o Atlético, mas estava em posição irregular e o gol foi anulado. Aos 33, agora sim valeu. Robert cobrou pênalti e empatou a partida para o Atlético de Alagoinhas.

Dois minutos depois, Robert deu belo passe para Edson, que virou para os visitantes, 2 a 1 Atlético. Dionísio ainda aumentou o placar. De falta, o jogador fez um golaço, deixando 3 a 1 para os visitantes.

O segundo tempo começou da mesma maneira, com muita correria e as equipes buscando desesperadamente pelo placar. Precisando vencer para se recuperar na Série D, o Bahia de Feira foi pra cima e quase fez aos 13, parando na defesa de Fábio Lima.

O jogo ficou truncado, cheio de faltas e em uma delas, Menezes, da entrada da área, mandou uma sapatada e diminuiu o placar aos 16 minutos.

Aos 20, Deon fez mais um para o Bahia, mas o juizão anulou, pois o atacante estava em posição irregular. E aos 31, Menezes, cobrando pênalti após bela jogada do camisa 10 Fernandinho, fez para o Bahia de Feira e deixou tudo igual, 3 a 3. O Tremendão ainda teve duas chances de virar, mas Fábio Lima não deixou.

Na 11ª rodada, o Bahia de Feira joga em casa novamente. No sábado, às 17h, o tricolor recebe o Palmas, na Arena Cajueiro. O Atlético de Alagoinhas também joga em casa no sábado. A equipe terá um grande desafio, quando irá receber o Brasiliense, vice-líder, Às 20h30, no Carneirão.

Melhores momentos

Por Agência Futebol Interior

Comentários