Atlético demite técnico Rogério Micale após vexame diante do Vitória no Independência

Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press

O técnico Rogério Micale foi demitido pelo Atlético após a derrota por 3 a 1 para o Vitória no Independência. O presidente Daniel Nepomuceno não aceitou o revés diante do torcedor para o vice-lanterna do Campeonato Brasileiro. Depois de reunião no vestiário, o treinador foi mandado embora pelo clube.

O presidente Daniel Nepomuceno explicou o motivo da demissão. “Vim anunciar que o Micale não é mais nosso treinador. Hoje era um jogo decisivo para a gente buscar essa vaga na Libertadores. Não posso aceitar perder para o Vitória por 3 a 1 em casa, a sétima derrota em casa. Já agradeci no vestiário. Futebol é resultado. A gente não pode brincar com mais nada”, disse Daniel Nepomuceno.

Micale não ficou muito tempo no Atlético. Nesta segunda-feira, ele completaria dois meses no comando do clube. O presidente prometeu marcar uma coletiva de imprensa para esta semana, quando deve anunciar novidades.

“Vou marcar uma coletiva nesta semana com vocês, já peço para ter paciência para conversar. É um momento de despedida, saída de treinador”, completou Nepomuceno.

Micale comandou o Atlético em 12 jogos. Foram quatro vitórias, três empates e cinco derrotas. Ele acumulou eliminações na Copa do Brasil e na Copa Libertadores. Na Primeira Liga, levou o time para a final. No Brasileirão, não ajudou a equipe a chegar perto de seu objetivo (brigar por vaga no G-6).

Por Túlio Kaizer /Superesportes

Comentários