Atlético de Alagoinhas anuncia que quitou salários atrasados

O Atlético de Alagoinhas anunciou, no último sábado (25), que quitou todas as dívidas com os jogadores. Segundo divulgou o clube no Instagram, estavam atrasados os direitos de imagem de maio, junho (60%) e julho, além do salário de carteira de agosto.

Campeão baiano em 2021, o Carcará vinha passando por dificuldades no segundo semestre (saiba mais aqui). Para o ano que vem, quatro patrocinadores já estão fechados com a agremiação, que disputará a Copa do Nordeste, a Copa do Brasil e a Série D do Brasileirão, além de defender o título estadual.

“Mesmo com toda essa dificuldade que o mundo esportivo está vivendo, estamos buscando incansavelmente cumprir com todos os nossos compromissos. Essa é nossa meta. Manteremos nosso planejamento. Com a abertura dos estádio nas competições de 2022, vamos poder buscar recursos, parceiros e patrocinadores para fortalecer nossa equipe. Nosso diretor de Futebol, Luiz Matos Júnior, já tem o plano estratégico para o futebol e deve colocar em prática”, afirmou o presidente do Atlético, Albino Leite.

Os jogadores do Carcará deverão se reapresentar na primeira quinzena de novembro deste ano, para iniciar a preparação para a temporada 2022.

Neste momento, todo o elenco foi emprestado para manter o ritmo de jogo. Oito atletas seguiram para o Atlético Paraense, onde disputarão a segunda divisão do estadual local; dois para o Maranhão Atlético Clube; um para o América de Própria-SE e outros quatro para o Jacuipense, já negociados antes do fim da Série D 2021.

Provavelmente, toda a pré-temporada será feita na cidade de Cipó, a 240 quilômetros de Salvador, como ocorreu neste ano.

Por Nuno Krause

Comentários