Vitória da Conquista relembra os 10 anos do primeiro título

campeao-28102006-077
Na última sexta-feira, dia 28, o Vitória da Conquista relembrou os 10 anos do seu primeiro título como clube profissional, justamente na primeira competição disputada. Foi o Campeonato Baiano da Segunda Divisão de 2006.

Foram 14 jogos entre a estreia e a final, que valeram a ascensão do recém formado clube conquistense à elite do futebol baiano. A estreia naquela competição se deu no dia 29/7, fora de casa, contra o Astro de Feira e um gol de Rafael da Granja garantiu os primeiros três pontos.

Diante de sua torcida o ECPP estreou contra o Cruzeiro de Cruz da Almas. Empate no Lomantão com o gol alviverde sendo marcado por Diego.  Depois, um ponto importante conquistado na casa do adversário. Empate em 1×1 com o Guanambi no estádio 2 de Julho, gol de Neto, num belo chute quase do meio do campo.

Nos jogos de volta da primeira fase, vitória em casa contra Guanambi por 2×0 gols de Danilo e Silvio; vitória contra o Cruzeiro em Cruz das Almas por 2×1 com gols de Silvio e Diego e um empate na última partida da primeira fase, em 0x0 contra o Astro de Feira.

campeao-28102006-168Na segunda fase, os adversários foram Galícia, Cruzeiro e Jacuipense e os resultados foram dignos de um campeão:  1×1 com o Galícia em Salvador, gol de Danilo;  3×0 sobre o Cruzeiro no Lomantão gols de Danilo, Diego e Neto; 2×1 na Jacuipense fora de casa com gols de Rafael e Danilo; 2×0 no jogo de volta contra a Jacuipense gols de Rafael e William; empate com o Cruzeiro em Cruz das Almas por 1×1, gol de Danilo e vitória contra o Galícia por 3×1 no Lomanto com Gols de Roque, Rafael e Neto.

Decisão

Com vantagem de dois resultados iguais, o ECPP partiu para encarar a Jacuipense. No primeiro Jogo, em Riachão do Jacuipe, empate em 1×1.

Confira a ficha da partida

Jacuipense 1×1 Vitória da Conquista

Local: Estádio Eliel Martins

Árbitro: Arilson Bispo Da Anunciação, auxiliado por Antonio Cesar Brasileiro Oliveira e Mick Santos De Jesus.

Renda: R$ 5.000,00 – Público Pagante: 1.000 – Vale Show: Renda: R$ 7.500,00 – Público: 3.000

Cartões Amarelos: Eder, Silvio e Neto (ECPP) Pio, Jeferson e Jorginho (Jacuipense)

Gols – Rafael aos 33 minutos do 1º tempo; Angelo aos 49 do 2º tempo.

Jacuipense: Gilson, Edhe (Angelo), Junior, Toninho e Jeferson; Pio, Mica, André e Germínio; Jorginho e Marcelinho. Técnico: Merrinho

Vitória da Conquista: Fernando (Leo), Adriano, Silvio, Roque e Claudemir; Eder, Edimar, Neto e Rafael (Osmar); Diego (Ricardo Correia) e Danilo. Técnico: Elias Borges.

campeao-28102006-267Partida de volta

Um empate bastava para a conquista do título. E ele veio. Mesmo tomando o primeiro gol logo no início do segundo tempo, aos 15 minutos Danilo empatou e levou ao delírio os mais de 14 mil torcedores presentes no Lomanto Júnior.

Confira a ficha da partida

Vitória da Conquista 1×1 Jacuipense

Local: Estádio Lomanto Junior

Árbitro: Jailson Macedo Freitas, auxiliado por José Raimundo Dias Hora e José Carlos Oliveira Santos.

Renda: R$ 51.980,00 – Público Pagante: 11.350 – Vale Show: Renda: R$ 9.000,00 – Público: 3.000

Cartões Amarelos: Silvio, Claudemir, Ricardo Correia e Rafael (Conquista); Pio e George (Jacuipense)

Cartões Vermelhos: Ricardo Baiano (Conquista)

Gols – Jorginho aos 6 minutos e Danilo aos 15 minutos do 2º tempo.

Vitória da Conquista: Fernando, Adriano, Roque, Silvio e Claudemir; Éder, Edimar (Ricardo Pereira), Neto e Rafael (Osmar); Diêgo (Ricardo Correia) e Danilo. Técnico: Elias Borges.

Jacuipense: Gilson, Edhe (Angelo), Junior, Toninho e Jeferson; Pio, George (César), André (Germínio) e Mica; Jorginho e Marcelo. Técnico: Merrinho.

Foto e texto – Site Oficial do ECPP Vitória da Conquista

Comentários