Varejão das Baterias é o grande campeão do Veteranos do Tancredo Neves

   Teixeira de Freitas – Após 4 meses, teve fim a edição 2017 do Campeonato de Veteranos do Tancredo Neves. Sob organização dos desportistas Bai Bracinho e Bola, o evento este ano surpreendeu pela qualidade técnica das equipes. Há de exaltar a luta e o empenho dos organizadores que mesmo sem nenhum apoio da secretaria de esportes, não mediram esforços para que a competição começasse e terminasse com todo charme que a competição conquistou ao longo dos anos.

A grande final começou com atraso de 1 hora. Antes da partida final, houve uma preliminar entre equipes femininas. Antes de a bola rolar, houve todo protocolo, com cerimônia de encerramento e execução do Hino Nacional Brasileiro. O jogo final aguardado por todos teve uma boa presença de público que praticamente lotou a arquibancada do Tancredão. Mesmo com a forte chuva que atrasou o início do jogo tirou a alegria da torcida.

A partida foi bastante equilibrada. O primeiro tempo foi muito estudado pelas duas equipes e poucas chances de gols. Apesar de ter mais posse de bola, o Independente não conseguiu assustar a meta do goleiro Fabão do Varejão das Baterias. Já o time do Varejão tentava chegar com a bola área, um dos seus pontos fortes. O primeiro tempo terminou mesmo 0 a 0.

Na segunda etapa, o jogo melhorou. As duas equipes saíram mais para o jogo e as oportunidades aparecem. No finalzinho do segundo tempo, o goleiro Yuri do Independente foi fundamental para que sua equipe não saísse derrotado no tempo normal com duas grandes defesas evitando o gol do Varejão das Baterias. A partida terminou mesmo 0 a 0 e o título de campeão foi decidido nos pênaltis. Nas cobranças o time do Varejão das Baterias foi mais competente e saiu vitorioso por 5 a 3 conquistando o título.

Vale ressaltar que esta foi a quarta final entre as duas equipes. Com o título o Varejão das Baterias empata a série de finais em 2 a 2.

Ficha Técnica

Varejão das Baterias foi campeão com: 01-Fabão, 13-Joilson, 03-Da Lua, 04-Rogério, 06-Zacarias, 07-Formiga, 05-Diano, 10-Garrafa, 18-Vanzinho, 17-Fifa e 09-Vandão. Suplentes: 11-Timóteo, 12-Adalberto, 15-Luizinho, 02-Pedrinho, 20-Alvino, 14-Mauro, 08-Ramon e 16-Guerra. Técnico: Domingão. Presidente: Dil.

Independente foi vice com: 96- Yuri, 02-Agnaldo, 13-Genilson, 04-Dadá, 05-Jean, 06-Alex, 08-Talher, 09-Cal, 10-Marcão, 11-Sandro e 15-Bega. Suplentes: 20-Vanzinho, 17-Rena, 14-Admilson, 21-Diogo, 03-Nina, 19-Aderlândio, 16-Serginho e 22-Paulão. Técnico: Vovô.

Árbitros Central: Edivaldo Nunes – Dibinha

Assistente 1: Dionisio Amaral – Dió

Assistente 2: Fábio Lacerda – Fofão

Anotador de Súmula: João Bola Xavier

Campeão: Varejão das Baterias

Vice-Campeão: Independente

3º Colocado: Dinossauros

4º Colocado: Rancho Alegre

Artilheiro: Sandro com 6 Gols – Independente

Melhor Goleiro: Fabão – Varejão das Baterias

Melhor Jogador da Final: Rogério – Varejão das Baterias

Cobranças de pênaltis

Varejão das Baterias: Marcos José (converteu), Rogério (converteu), Diano (converteu), Da Lua (converteu) e Fifa (converteu).

Independente: Dadá (converteu), Genilson (perdeu), Serginho (converteu) e Marcão (converteu).

Por Luan Mota/Esporte na Mídia

Comentários