Técnico do Bahia de Feira quer explorar emocional do Bahia: ‘Responsabilidade é maior não sendo Ba-Vi’

O técnico Quintino Barbosa, o Barbosinha, já traçou uma estratégia para o Bahia de Feira derrotar o Bahia e conquistar o título do Campeonato Baiano. Para o jogo do próximo domingo (21), às 16h, na Arena Fonte Nova, o comandante quer ver seu time explorando o emocional do xará da capital, que entrará em campo pressionado.

“Nós sabemos que a responsabilidade do Bahia de ganhar o título, não sendo Ba-Vi, é muito maior. Porque se ele perdesse, seria para o maior rival. Não vai adiantar nada tirar o maior rival e ele perder o título para nós. Então, a responsabilidade do Bahia é muito grande. Nós vamos tentar tirar proveito disso, vamos jogar em cima do emocional do Bahia”, analisou em entrevista ao Bahia Notícias.

O empate no primeiro jogo, em 1 a 1, deixou o confronto entre Bahia e Bahia de Feira aberto. Quem vencer o próximo jogo conquista o título, enquanto uma nova igualdade leva a decisão para os pênaltis. Ao transferir a obrigação do triunfo para o Tricolor da capital, Barbosinha espera que sua equipe jogue solta, com tranquilidade para surpreender os donos da casa e ficar com o caneco.

“Vamos tentar fazer um jogo interessante, um jogo tranquilo. O favoritismo é do Bahia, então a obrigação de ganhar é deles. Nós temos que fazer um jogo inteligente para neutralizar o Bahia e tentar confirmar a nossa boa fase buscando o título na Fonte Nova. Sabemos que o Bahia é favorito, mas que existe possibilidade da gente ganhar o jogo”, projetou.

O Bahia de Feira tenta repetir o feito de 2011 quando foi campeão baiano pela primeira vez. Naquele ano, após empatar também por 1 a 1, no primeiro jogo em Feira de Santana, o Tremendão venceu o Vitória, em pleno Barradão, por 2 a 1. Já o Bahia, briga pelo seu 48º título estadual.

Por Leandro Aragão/Bahia Notícias

Comentários