Tabajara é campeão do Campeonato de Veteranos do Tancredo Neves

Teixeira de Freitas – Acabou neste domingo, dia 17 de julho, mais uma edição do Campeonato de Veteranos do bairro Tancredo Neves. A competição completou neste ano 20 anos de disputa e se consolidou ao longo desse período como a principal da modalidade. Foram pouco mais de 4 meses de competição e com a realização de grandes partidas envolvendo grandes atletas tanto local quanto da região. O campeonato foi organizado pelo desportista Bai Bracinho, que contou ao longo de todas as rodadas com a colaboração de João Xavier “Bola”. Mesmo sem contar com muito apoio, a comissão organizadora sempre com muita garra e luta, nunca deixou de medir esforços para que a competição acontecesse com o melhor que ele pode oferecer aos times e jogadores. Outra parceira da organização é a Associação dos Árbitros de Teixeira de Freitas (AATF), que trabalhou de maneira transparente durante toda a competição.

Bai Bracinho e Bola, organizadores do Campeonato de Veteranos.
Bai Bracinho e Bola, organizadores do Campeonato de Veteranos.

Antes da grande final houve um amistoso de futebol feminino envolvendo as equipes do Estrela do Oriente e do Grêmio de Itabatã, partida esta vencida pela Estrela do Oriente por 1 a 0.

Pela finalíssima Tabajara e Lopes Lanches fizeram um jogo bastante movimento e disputado. No primeiro tempo o Tabajara foi melhor, tendo maior posse de bola e domínio das ações. Logo aos 6 minutos do primeiro tempo, o Tabajara fez 1 a 0, porém a arbitragem assinalou impedimento. A partida seguiu muito equilibrada. Somente a partir dos 32 minutos o jogo teve alguma emoção. Nenzão, meia do Lopes Lanches recebeu a bola da entrada da área e chutou com perigo quase abrindo o placar da partida. Aos 37 minutos Fábio recebeu a bola dentro da grande área protegeu e girou em cima do zagueiro Longado do Lopes Lanches que cometeu pênalti. Luciano foi para a cobrança e abriu o placar para o Tabajara para o delírio da torcida que lotou as arquibancadas da Arena Tancredão. Porém, durou muito pouco a vantagem do Tabajara. Aos 42 minutos, Mário Washington em cobrança de escanteio que contou com o desvio de Adimilson fez contra e empatou o jogo para o Lopes Lanches. O árbitro confirmou o gol para Mário Washington. O placar do primeiro tempo terminou 1 a 1.

Torcida se fez presente e lotou a arquibancadas do Tancredão.
Torcida se fez presente e lotou a arquibancadas do Tancredão.

Veio o segundo tempo e a postura do Tabajara foi a mesma: maior posse de bola e esperando por um erro do adversário para fazer o segundo gol. Aos 17 minutos, em bate, rebate da zaga do Tabajara, a bola sobrou para o atacante Erivaldo que sozinho chutou para fora e desperdiçou a chance de virar o placar para o Lopes Lanches. O gol do título para o Tabajara aconteceu aos 20 minutos do segundo tempo com Xuxa que contou com a falha do goleiro Genilson do Lopes Lanches e fez 2 a 1 para o Tabajara para a explosão de alegria da torcida. Com o gol, o Tabajara recuou e deu espaço para o Lopes Lanches que não conseguiu chegar o empate. O Tabajara ainda teve uma grande de matar a partida em um contra-ataque puxado por Luciano que cruzou da direita para Parrudo que sozinho perdeu a chance de liquidar de vez com a partida. O placar final ficou 2 a 1 para o Tabajara que se consagrou campeão inédito do Campeonato de Veteranos. O Tabajara foi campeão invicto, com 7 vitórias e um empate. Essa foi a terceira participação da equipe no Campeonato. Na primeira ocasião o time foi eliminado na primeira fase. Na segunda participação ficou com o terceiro lugar. E na edição de 2016 foi o grande campeão com grande mérito tendo como líderes da equipe do jogador Tuquinha, o atacante Luciano, Washington (Wostinho).

Equipe do Tabajara campeão inédito do Veteranos do Tancredo Neves
Equipe do Tabajara campeão inédito do Veteranos do Tancredo Neves

Para o Tabajara, campeão do evento, a organização entregou R$ 1.500 e troféu; o Lopes Lanches, vice-campeão, recebeu R$ 1.000 e troféu; o Independente, terceiro colocado recebeu R$ 500 mais troféu; e o Varejão das Baterias que ficou na quarta colocação ganhou R$ 400,00 mais troféu. Luciano do Tabajara foi o artilheiro com 7 gols e ganhou um troféu mais R$ 100, além de ser eleito pela imprensa presente, o melhor jogador da final. O goleiro menos vazado foi Wanderson (Jorge Campos) que sofreu apenas 3 gols em toda a competição.

Lopes Lanches ficou com vice-campeonato.
Lopes Lanches ficou com vice-campeonato.

O Tabajara foi campeão com Edcarlos, Amilton, Ronivon, Luciano Reis, Tuquinha, José Carlos, Rildo, Bujão, Edimilson, Wanderson, Mauricio, Wostinho, Adilmison, Fábio, José Itamar, Luciano Rodrigues, Klebiano, Douglas, Gildeni, Jean e Leandro.

O Lopes Lanches foi vice-campeão com os seguintes atletas: Altemar, Marcelo Lopes, Augusto, Antônio, Odinilson, Mário Washington, Luciano, Tarcísio, Nenzão, Erivaldo, Welysson, Valter, André, Genilson Rego, Osmário, Benedito, Fernando, Claudionor, Elizeu, Luciano Sales.

Árbitro: Juvenilson Pereira de Sá/AATF/Teixeira de Freitas;

Assistente 01: Paulo Sérgio Santos Santiago/AATF/Teixeira de Freitas;

Assistente 02: Arilton Rodrigues Rocha/AATF/Teixeira de Freitas.

Comentários