Seleção de Itamaraju teve seu primeiro contato com bola

A seleção de Itamaraju que iniciou a pré-temporada na semana passada teve nesta quarta-feira, 11/07, o seu primeiro contato com bola após um forte trabalho no que diz respeito a parte física, cuja é de responsabilidade do pós-graduado em Educação Física, Layon Sena. Foram trabalhos intensos para que os atletas possam estar em boas condições de jogo tão logo o time estrei no Intermunicipal.

Dentre os atletas anunciados (convocados) apenas o atacante Elvis Coreano não se apresentou e não mais se apresentará. Informações dão conta de que o jogador recebeu uma proposta parecida a ofertada por Itamaraju, e como fica próximo à sua cidade natal deu preferência a outra seleção. Diante o fato, Itamaraju vai em busca de um outro nome para substituí-lo.

Quanto ao trabalho com bola, com a chancela de Beto Oliveira, que de fora observava e vez ou outra instruía seus pupilos, foi comandado pelo competente auxiliar técnico John Suque, o qual foi campeão da recém-encerrada Copa do Descobrimento.

Foi um trabalho no qual os jogadores se reservavam num time e no outro sem definição de titularidade, onde se priorizava os cruzamentos executados pelos alas, Juninho, Daniel e Rodolfo para os arremates, principalmente do Kaká e do Naian.

Os desconhecidos do público itamarajuense, Rodolfo e Daniel deixaram ótima impressão quanto ao fundamento, “cruzamento”; demonstrando não ser apenas laterais, “isopor” (aquele que nunca vai ao fundo), diria um exigente torcedor.

Não diferente aos dois acima quem também causou boa impressão foi o jovem arqueiro, Geovane. Pelo que observamos, se rivalizará sadiamente com o campeão e melhor goleiro da Copa do Descobrimento, Chapoca.

Na sexta-feira, 13/07, aconteceu o primeiro coletivo e a partir daí se desenhará o time titular para desta forma tranquilizar os ansiosos corações dos curiosos.

Agora, independentemente de quem será titular ou não, pouco importa. Trata-se de um grupo forte o qual é constituído de um ótimo material humano que proporciona a comissão técnica realizar um excelente trabalho.

Se vai chegar onde todos queremos é uma outra história. Essa de que ao elogiar um determinado grupo quem o faz está agourando, secando como queira, é coisa para supersticiosos. O que vai acontecer lá frente está muito além das nossas vontades. Afinal, não temos bola de cristal. Só nos resta apoiar e torcer!

A seleção tem definida para o primeiro final de semana pós final da Copa do Mundo para realizar o seu primeiro amistoso no Barbozão. Quanto ao adversário, tudo leva crer que seja uma seleção daqui da região.

Por Antônio Reis Viana

Fotos: Ligeirinho no Esporte

Comentários