São Paulo não chega a acordo com o Vasco e decide não negociar Diego Souza

Após rumores darem como certa a ida de Diego Souza ao Vasco da Gama, o São Paulo recusou a proposta do clube carioca e decidiu não negociar o atacante.

Diego Souza é visto por uma ala da direção são-paulina como um patrimônio do clube e a saída ao time carioca estaria sendo precipitada. Reuniões entre diretoria e o departamento de futebol debateram as opções ao atleta e chegaram a decisão de ter mais paciência para o camisa 9 poder deslanchar.

As publicações destacam que há o entendimento da direção e departamento de futebol do São Paulo que o centroavante precisa se doar mais para buscar seu espaço. A comissão técnica técnico Diego Aguirre irá oferecer suporte para Diego Souza se recuperar e voltar a apresentar o futebol vistoso dos tempos de Sport – que chamou a atenção, inclusive, da seleção brasileira.

O Vasco da Gama estava otimista com o negócio e, inclusive, havia aceitado ceder o jovem Evander mesmo contra a vontade do treinador Zé Ricardo. O acordo que estava sendo costurado levaria Diego ao clube carioca e Evander ao Tricolor por empréstimo até o final do ano.

Em janeiro, o São Paulo contratou Diego Souza junto ao Sport por R$ 10 milhões para assumir o posto de homem gol após a venda de Lucas Pratto ao River Plate-ARG. Em três meses de clube, ele possui 17 jogos e três gols anotados. Para a partida deste domingo (22) contra o Ceará, no Castelão, o jogador não foi relacionado.

Fonte: torcedores.com

Comentários