Portão de emergência do estádio Tomatão pede socorro

A nossa reportagem ao comparecer no estádio Tomatão no último sábado, 01/07, para acompanhar as semifinais do Campeonato Municipal da Primeira Divisão, se deparou com um fato lamentável: um dos portões de emergência do estádio Tomatão está escorado com paus e barras de ferros que o mantém em pé. É triste ver uma cena como esta, uma vez que se trata de um patrimônio público que está sendo deteriorado pela falta de manutenção e ninguém toma providência.

O estádio Tomatão é considerado novo. Não tem 5 anos de reinaugurado, após ser totalmente reconstruído para atender melhor o esporte local. Outro fato que tem deixado o dirigente, atletas e imprensa insatisfeitos é a condição do gramado que na sua maior parte se encontra cheio de buracos, comprometendo o desenvolvimento do bom futebol.

É preciso que a secretaria de esportes tome ciência do que realmente o estádio está precisando e faça os reparos e as reformas devidas, para que em um futuro não muito distante, o estádio seja vetado da prática de futebol pelos órgão competes pela falta de requisitos  de segurança e outros.

A importância da saída de emergência 

Uma saída de emergência em uma estrutura é uma saída especial para emergências como um incêndio: o uso combinado de saídas regulares e especiais permite evacuação rápida, enquanto fornece uma alternativa se a rota para a saída regular for bloqueada pelo incêndio, etc.

A saída de emergência é uma das medidas de proteção tão necessária quanto qualquer outra medida de combate a incêndio, pois é justamente pela saída de emergência que ocorre toda e qualquer evacuação de área pela população ocupante em caso de incêndio, além de inclusive ser acesso para o primeiro combate pela brigada de emergência ou mesmo o corpo de bombeiros local sem contar que também é pela saída de emergência que são retiradas as vitimas caso haja na edificação.

Por Luan Mota/Esporte na Mídia

Comentários