Por suposta dívida, Apodi é agredido por empresário na saída da Arena Condá

Lateral-direito da Chapecoense, e ex-Vitória, Apodi foi agredido na tarde desta sexta-feira (17). O jogador se dirigia ao CT Água Amarela, quando o empresário Norberto Arruda o questionou sobre uma suposta dívida referente à sua transferência Kuban Krasnodar (Rússia), em 2015.

O homem, identificado como Norberto Arruda. esperava Apodi na saída da Arena Condá, onde os jogadores tiravam foto para o álbum do Campeonato Brasileiro. Ambos começaram a conversar e, quando se aproximaram do carro do atleta, o empresário o agrediu com socos no rosto.

Alguns jogadores e seguranças do clube apartaram a confusão. Em seguida, Apodi ainda treinou e registrou um boletim de ocorrência na delegacia. Norberto Arruda é ex-jogador e tem passagens por clubes como Grêmio e Internacional.

A Chape emitiu uma nota em apoio ao lateral de 30 anos em seu site oficial. Confira:

“A Associação Chapecoense de Futebol esclarece que o jogador Apodi foi agredido na saída da Arena Condá no início da tarde de hoje.

O jogador tomou as providências cabíveis logo após ocorrido. 

O Clube comunica em tempo que dará todo apoio necessário ao atleta”.

Por Bahia Notícias

Comentários