Mano Menezes critica falta de vantagem no gol fora de casa na final da Copa do Brasil

O técnico do Cruzeiro, Mano Menezes, criticou o regulamento da Copa do Brasil. O time mineiro fará a final do torneio com o Flamengo. A primeira partida será no dia 7 de setembro, no estádio do Maracanã, enquanto que a decisão ocorrerá no dia 27 do mesmo, no Mineirão. Para o comandante da Raposa, o critério do gol fora de casa valerá como desempate deveria seguir até o último confronto.

“Não se trata de crítica pela crítica, é minha opinião. Apenas externei, porque penso que uma competição que começa com um regulamento, tem que terminar com o mesmo regulamento. Se continuamos jogando com gol qualificando, vamos terminar com gol qualificado. Não vejo o que mudar, na verdade, para a final, você tirar essa qualificação. Já tinha essa opinião, apenas aproveitei o momento”, disse.

Ele também falou sobre a expectativa para os duelos com o rubro-negro carioca. “Serão dois grandes jogos, porque as equipes vão ter tudo à disposição em uma final: motivação, torcedor, estádio lotado. Então, nós queremos levar a decisão para a nossa cada, cronologicamente, temos que fazer um bom jogo no Maracanã e tentar fazer frente na primeira etapa desta decisão”, afirmou.

O Cruzeiro volta à campo neste domingo (27), às 19h, para encarar o Santos, no Mineirão, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro. A Raposa ocupa a sexta posição com 30 na tabela de classificação da competição.

Por Bahia Notícias

Comentários