Diretor diz que Nenê e Ganso querem jogar no Fluminense, e clube pode contratar os dois: ‘Gosto de ousar’

Diretor executivo de futebol do Fluminense, Paulo Angioni falou sobre as possibilidades de o clube contratar Paulo Henrique Ganso e Nenê. Segundo ele, o negócio com os dois meias é possível.

“Apesar de ser discreto, gosto de ousar. Vamos torcer para que sejam os dois, quem sabe. Estou trabalhando. O Fernando (Diniz) tem modelo para colocar os dois para correrem bastante”, disse o dirigente, em entrevista à “Rádio Globo”.

Angioni garantiu também que qualquer um dos dois negócios não extrapola as possibilidades financeiras do clube. Segundo ele, ambos pediram para jogar no clube.

“O Ganso é uma situação tranquila para nós. Se vier, será em uma situação bem confortável. Não temos como competir com o que ele ganha no Sevilla ou no Amiens, mas buscamos entendimento que não encareça o orçamento mensal e anual no futebol.”

“O interesse da presidência é cumprir o compromisso assumido. É óbvio que o Ganso é caro, mas o Fluminense está trabalhando em cima do seu limite”.

“A situação do Nenê está no mesmo pacote. O Fluminense não vai sair um milímetro se vier a acontecer. Tanto um, como outro, não foi procura nossa, foi desejo deles. Foram eles que nos procuraram com o desejo de jogar no Fluminense.”

“Às vezes, alardeia-se que o jogador não quer vir. Deixar de jogar em um clube como o Fluminense, com a história e grandeza, não existe.”

Por ESPN.com.br

Comentários