Conmebol muda regra e campeão da Copa do Brasil pode ficar fora da Libertadores

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) divulgou, nesta terça-feira (21), novas regras de classificação de um clube para a Copa Libertadores da América e Copa Sul-Americana a partir de 2020. Uma delas chama atenção pela possibilidade de deixar o campeão da Copa do Brasil de fora do torneio continental mais importante.

Foto: Daniel Teobaldo / Staff Images

“Estar disputando o torneio nacional de sua associação membro na divisão principal da competição em 2020 (ou seja, não ter sido rebaixado no torneio nacional)”, declarou a entidade.

Portanto, caso o campeão da Copa do Brasil de 2019 seja rebaixado no Campeonato Brasileiro, ele não vai poder disputar a Libertadores do ano que vem. Na atual edição do torneio nacional, Paysandu, Sampaio Corrêa e Juventude, que estão na Série C, não poderão disputar a competição continental de 2020, caso sejam campeões, já que estarão no máximo na Série B na próxima temporada.

Com essa medida, o Palmeiras, que foi campeão da Copa do Brasil em 2012, não poderia disputar a Libertadores do ano seguinte, por ter caído no Brasileirão. Além do Verdão, Santo André e Paulista de Jundiaí também ficariam de fora da competição continental, mesmo tendo conquistado a Copa do Brasil, por não fazerem parte da elite do futebol brasileiro.

Por Bahia Notícias

Comentários