Com mudanças no elenco, Galícia tenta respirar no Campeonato Baiano

O Galícia vive situação complicada na tabela do Campeonato Baiano. Lanterna da competição, com apenas um ponto conquistado, a diretoria optou por fazer uma intervenção mais forte nesta semana ao dispensar 12 jogadores e contratar outros cinco.

Presidente galiciano, Manolo Muiños admite a dificuldade para fugir da degola, mas frisa que está se esforçando para sair dessa situação incômoda. “A intenção nossa é essa. Não depende só de nossos esforços. Mesmo que ganhemos as três, dependemos de outros. Mas estamos tentando fazer nossa parte”, prometeu, em entrevista ao Bahia Notícias.

Nas próximas rodadas o Granadeiro terá uma difícil tarefa. Com uma folga na última rodada, o clube de Salvador terá que se desdobrar para fugir do rebaixamento. Pela frente, os adversários serão Bahia, o confronto direto contra a Juazeirense e Atlântico.

Com um ponto, o time da colônia espanhola pode chegar no máximo aos 10 pontos – atual pontuação do quarto colocado Vitória da Conquista.

O próximo compromisso do Galícia será contra o vice-líder Bahia. Na Arena Fonte Nova, o confronto será realizado no dia 19 deste mês, às 16h.

Por Matheus Caldas

Comentários