CBF veta Pacaembu no Brasileiro e deixa Palmeiras, Santos e São Paulo sem segunda casa

O Pacaembu não poderá receber jogos do Campeonato Brasileiro neste ano. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pediu adaptações no sistema de iluminação do estádio, mas a Prefeitura de São Paulo avisou que não serão feitas. A informação é do jornal “O Estado de S.Paulo”.

O estádio é a segunda opção para partidas de mandos de PalmeirasSantos e São Paulo, quando não podem ou não desejam usar, respectivamente, o Allianz Parque, Vila Belmiro e Morumbi.

Pacaembu não terá partidas do Campeonato Brasileiro em 2019 Gazeta Press

A mudança pedida pela CBF foi a troca das luminárias atuais, de 600 lux (medida que aponta quanto um sistema ilumina), por outras, de 800 lux, o padrão exigido nos estádios do país, no Programa de Licenciamento dos Clubes da entidade que rege o futebol brasileiro.

Segundo a Prefeitura, isso poderia atrapalhar o projeto, em andamento, de conceder o estádio à iniciativa privada. “O Pacaembu está em vias de concessão e a estrutura atual do equipamento não pode sofrer alterações”, disse a gestão municipal.

“No caso específico, o investimento da troca de iluminação demandaria um gasto que aumentaria o valor comercial da proposta e implicaria no cancelamento do processo”, complemento o texto enviado ao jornal.

Segundo a assessoria de imprensa da CBF, a restrição vale também para os jogos da Copa América e partidas da seleção brasileira.

Entre os clubes paulistas, o Santos era o principal interessado no Pacaembu. O clube, inclusive, fez, ao lado da Universidade do Brasil, uma proposta de R$ 88 milhões para tentar a concessão do estádio.

A proposta vencedora, contudo, foi do Consórcio Patrimônio SP, formado pela empresa Progen e o fundo Savona, com lance de R$ 110 milhões.

O processo, que se arrasta desde abril de 2018 , está atualmente paralisado, depois de decisão da 13° Vara da Fazenda Pública, no mesmo dia em que foram abertos os envelopes com as propostas para a concessão.

Por ESPN.com.br

Comentários