Cafenorte fatura o título do Campeonato Municipal da 1ª divisão em Itamaraju

Itamaraju – Aconteceu na tarde deste domingo, 15/07, no Barbozão, a finalíssima do Campeonato Municipal da 1ª divisão, quando o Cafenorte bateu o Pau D’alho sagrando-se campeão municipal 2018.

As duas equipes entraram em campo em igualdade e condição, ou seja, caso houvesse empate no tempo normal, sem prorrogação o vencedor seria conhecido através de tiro-livres da marca penal.

Pelo nível técnico das equipes se esperava um futebol de alto nível, coisa que não aconteceu. Também pudera da maneira em que os dois times entraram em campo realmente não poderia se esperar grande futebol não. Isso se deve talvez a falta de peito dos treinadores em barrar certos medalhões.Foi um amontoado de zagueiros. Deixamos aqui uma pergunta, os times se respeitaram demais ou os seus treinadores foram medrosos? Pelo lado do Cafenorte era de se esperar mesmo um aglomerado de defensores, pois desta forma já vinha atuando. Agora, quanto ao Pau D’alho, equipe com tantas opções de banco entrar em campo com três zagueiros, coisa que jamais aconteceu, sinceramente não dá para entender não. Deixo bem claro, não sou contra qualquer equipe jogar com tal formação, entretanto deve-se haver um entrosamento.

A história do jogo (campeão) começou a se desenhar mesmo aos 33 minutos da primeira etapa, ocasião em que o Jocélio marcou de pênalti aquele que seria o único tento da partida. Todavia, o Jocélio teve que mudar o seu estilo de só rolar a bola no canto do arqueiro adversário, para executá-lo de maneira mais forte que a costumeira, haja vista que o Muca, goleiro oponente não se adiantou como normalmente fazem os goleiros. O capítulo dessa história talvez pudesse ser inscrito diferente (contrário), se o Beto Cavalo tivesse convertido para sua equipe (Pau D’alho) um pênalti 13 minutos antes da abertura do placar. Só que no futebol não há espaço para o “SE”, ou seja, não se faz futebol por hipótese.

Como toda Itamaraju, havia também quem dizia e repetia aos seus atletas por diversas vezes durante o aquecimento do Pau D’alho, eles (Cafenorte) só farão gol em nós(Pau D’alho) se for na bola parada. Ou seja, ninguém acreditava mesmo no ataque do Cafenorte. E quis o destino, o gol da partida saiu de uma para parada após atabalhoadamente o Alcir atropelar o Gel dentro da área para o bem colocado árbitro Uelton Bispo não ter dúvida e marca a penalidade máxima como assim o fizera quando do pênalti do outro lado.

Ficha Técnica

O Pau D’alho jogou e perdeu com: 12-Muca; 22-Beto Cavalo(18-Popô), 03-Alcir(08-Breno), 27-Guilherme, 04-Gil e 23-Celo(06-Thiaguinho); 05-Lucas(17-Iago), 07-Serrote, e 21-Ninho; 09-Caio Fontoura e 20-rone(10-Rhica).

Suplentes: 01-Chapoca, 02-Bruno, 06-Thiaguinho, 08-Breno, 10-Rhica, 11-Urias, 15-Gamarra, 16-diogo, 17-Iago, 18-Popô e 25-Thiago.

Técnico: Adriano.

Preparador Físico: Layon Sena.

O Cafenorte jogou e venceu com: 01-Erick; 06-Marquinhos, 03-Jocélio, 04-Finho e 14-Juninho; 13-Maicon, 05-Renaldo(15-Alex Porto), 07-Felipe, e 10-Matheus(19-Luciano Baiano); 20-Gel(08-Alberquino) e 11-Charles(17-Leozinho).

Suplentes: Rogerio, 12-Vinny, 08-Alberquino, 15-Alex Porto, 16-Cabarral, 17-Leozinho e 19-Luciano Baiano.

Gol: Jocélio aos 33 minutos do 1º t’.

Técnico: Junior Tramontina/Rodrigo.

Preparador Físico: Leo Caverna.

Foto: Romilson Nascimento

Embora não tenha sido a partida que se esperava pelo nível técnico das equipes, parabenizamos as mesmas pelo jogo leal, fato que também contribuiu para uma boa arbitragem.

Findo o principal campeonato do Município, agora as atenções da LFI se voltam para seleção que se prepara para o Intermunicipal, a qual estará se apresentando a sua torcida neste sábado, 14/07, às 15 horas no Barbozão num amistoso diante a seleção vice-campeã da Copa do Descobrimento, Alcobaça. O ingresso custará R$ 5,00.

Por Antônio Reis Viana

Fotos: Facebook

 

Comentários