Bahia lidera no Campeonato Baiano Infantil e Juvenil

Com goleadas de 3 a 0 sobre o Galícia, o Bahia se manteve na liderança do Grupo 1 do Campeonato Baiano nas categorias Juvenil e Infantil, em jogos realizados na manhã deste sábado (13), no CT do Fazendão, pela quarta rodada das competições estaduais.

O time infantil tricolor foi o primeiro a entrar em campo e conquistou o triunfo por 3 a 0, chegando a 10 pontos, a mesma pontuação do São Francisco, que também na manhã deste sábado (13) derrotou o Leônico, por 1 a 0, no Estádio Junqueira Ayres. A equipe da capital leva vantagem nos critérios de melhor saldo de gols (10 contra 3) e gols pró (10 contra 7).

No Grupo 2 da categoria Infantil, o Vitória foi a Feira de Santana e venceu o Fluminense, por 1 a 0, no Estádio Alberto Oliveira. O Rubro-Negro lidera com 9 pontos e 100% de aproveitamento, seguido de Astro (7) e Bahia de Feira (6), que se enfrentam nesta segunda-feira (15), às 15h30, na Arena Cajueiro. Também neste sábado, à tarde, Redenção e ABB empataram por 1 a 1, no CT do Fazendão, pelo Grupo 1. Neste domingo (14), pela manhã, no Estádio Waldomiro Borges, o Jequié derrotou o Canãa por 1 a 0.

Na categoria Juvenil, o Bahia disparou no Grupo 1, com 12 pontos, cinco a mais do que o segundo colocado, o Jacuipense. Venceu o Galícia por 3 a 0 e tem 100% de aproveitamento na competição estadual. No Junqueira Ayres, São Francisco e Leônico empataram por 1 a 1. A quarta rodada foi aberta na última quarta-feira (10), com os empates entre Jacuipense e Juazeirense, por 1 a 1, tanto na categoria juvenil como na infantil.

Pelo Grupo 2, no Juvenil, o Vitória chegou a 6 pontos, na terceira colocação, com a goleada de 5 a 0 sobre o Fluminense, no Estádio Alberto Oliveira, em Feira de Santana. Já pelo Grupo 1, o Redenção venceu a ABB, por 2 a 1, no CT do Fazendão. Neste domingo (14), pela manhã, no Estádio Waldomiro Borges, Jequié e Canãa empataram por 2 a 2. O Canãa lidera o Grupo 2, com 8 pontos, seguido do Jequié, com 7 pontos.

Por Comunicação FBF
Fotos: Hilton Oliveira / Ascom do Galícia

Comentários