Atlético de Alagoinhas é líder de público e renda na série B do Baiano

O Atlético de Alagoinhas vem liderando o ranking  de maior publico e renda, até aqui, no campeonato baiano da serie B. Ele desbanca todos os concorrentes na competição.

Analisando somente o público pagante, a torcida do carcará que compareceu aos três jogos que o Atlético disputou no Carneirão até o momento, temos a marca de 7.122 torcedores, o que proporcionou uma renda de R$ 65.305,00 ao clube.

O segundo colocado no ranking das torcidas é o Tigre de Ilheus, o Colo Colo, que  teve ate aqui um publico pagante de 3.833 torcedores, obtendo uma renda de R$30.925,00.

A terceira colocação fica com o Teixeira de Freitas, time do extremos sul baiano que foi prestigiado por 1.482 torcedores em seus jogos e obteve uma renda de R$29.640,00.

Na sequência vem a cidade de Vitoria da Conquista, representado na competição pelo Conquista FC. A torcida local teve um comparecimento de 985 torcedores e uma renda de R$6.270,00 .

Nas ultimas colocações vem os dois representantes da capital baiana, o demolidor de campeões, Galicia, que teve um público de 634 torcedores, com renda de R$6.270,00 o PFC Cajazeiras que contou em seus jogos com o apoio de 406 torcedores, o que lhe proporcionou uma renda de R$4.030,00.

Deu para notar que até o momento as torcidas do carcará e do tigre de Ilhéus estão disputando um campeonato a parte, o ranking da torcida mais presente no estádios.

E nesse final de semana, no que depender dos seus diretores, esses números tendem a aumentar, pois segundo o diretor de marketing do Atlético, Edson Silva, o Atlético solicitou uma carga de 4.120 ingressos para partida contra o Teixeira de Freitas que ocorrerá às 18 horas deste sábado(28) e a promoção de gratuidade para mulheres e crianças continua.

Por outro lado, a diretoria do Colo Colo não ficou atrás e solicitou uma carga de mais de 4.000 ingressos para sua partida diante do PFC Cajazeiras no próximo domingo(29), no Mario Pessoa, as 15 horas, na terra de Gabriela.

Por André Luiz para o News Infoco

Comentários